Home / GASTRONOMIA / MTur abre consulta pública para validar Produtos Agroalimentares Brasileiros

MTur abre consulta pública para validar Produtos Agroalimentares Brasileiros

Sociedade poderá opinar sobre os itens mais relevantes ao turismo gastronômico no país

OMinistério do Turismo abriu, nesta quarta-feira (08.12), consulta pública para validação dos Produtos Agroalimentares Brasileiros com foco no turismo gastronômico. A iniciativa, que busca incrementar a lista de artigos do tipo definida em conjunto com especialistas de todas as macrorregiões do país, faz parte das atividades de construção do Programa Nacional de Turismo Gastronômico do MTur.

A lista engloba alimentos das cinco regiões, e o público poderá deliberar sobre as opções especificadas para cada estado. As contribuições devem ser enviadas até 8 de janeiro de 2022. (Clique AQUI para participar)

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, reforça que a seleção dos produtos não é restritiva. “A riqueza da nossa culinária é imensurável e de um potencial enorme. Este é apenas um passo de todo um processo de estruturação do turismo gastronômico no Brasil”, destaca.

A consulta pública é resultado de um mapeamento dos Produtos Agroalimentares Brasileiros realizado nos meses de julho e agosto pelo MTur, em parceria com a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO). Foram levados em consideração aspectos culturais, indicações geográficas, técnicas tradicionais de produção e outras características relevantes.

Toda a fase de levantamento de dados e de diagnóstico contou com a participação de representantes governamentais estaduais e municipais, acadêmicos, profissionais de turismo gastronômico e especialistas em turismo e gastronomia de todas as unidades da Federação.

Para a elaboração da lista, foram considerados não apenas itens agroalimentares de forma estrita, mas também produtos de origem animal, como mel e pescados, entre outros. Também houve a especificação de artigos que, apesar de já terem passado por algum tipo de processamento, ainda assim constituem-se em ingredientes da culinária local, a exemplo de queijo, vinho, cerveja artesanal e farinha.

PROGRAMA – Um dos objetivos do MTur é a construção e a implementação do Programa Nacional de Turismo Gastronômico. A iniciativa, em consonância com a Política Nacional de Turismo, busca reforçar a contribuição da gastronomia à redução das desigualdades sociais e econômicas, à ampliação do fluxo de turistas, ao incremento do gasto médio de viajantes e à permanência de visitantes.

Por Vanessa Castro

Assessoria de Comunicação do Ministério do Turismo

Você pode Gostar de:

Axixá do Tocantins, distante 584 km de Palmas, Axixá se destaca pela prática de voo livre

Axixá do Tocantins, distante 584 km de Palmas, Axixá se destaca pela prática de voo …

Parque Estadual do Jalapão Tocantins registra recorde de visitas em 2021

Desde sua criação, em 12 de janeiro de 2001, o Parque Estadual do Jalapão (PEJ) …

Araguaína Tocantins inicia mapeamento de pontos turísticos para desenvolvimento do Turismo

A Prefeitura de Araguaína iniciou um trabalho de levantamento dos pontos turísticos existentes na cidade, …

MTur prorroga prazo para abertura do sistema de atualização do Mapa do Turismo Brasileiro

A medida possibilita que estados, municípios e regiões turísticas tenham mais tempo para se adequar …

MUNDO: São Paulo (SP) é um dos 50 melhores destinos do mundo para ir em 2022, segundo revista

Capital paulista é repleta de atrativos turísticos que incluem arte, cultura e gastronomia Capital tem …

BRASIL: 2022 terá 11 feriados que prometem impulsionar o turismo doméstico no Brasil

Este ano, feriados prolongados e dias de ponto facultativo movimentaram milhões de turistas pelo país …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *