Home / TURISMO SUSTENTÁVEL / Inclusão do artesanato indígena Krahô no e-commerce é pauta de reunião com representantes da Aldeia Manoel Alves Pequeno de Itacajá

Inclusão do artesanato indígena Krahô no e-commerce é pauta de reunião com representantes da Aldeia Manoel Alves Pequeno de Itacajá

Artesanato e biojoias produzidos por indígenas da Aldeia Manoel Alves Pequeno devem ser integradas as vitrines

Virtuais em plataformas de e-commerce.

A consolidação do artesanato indígena nas plataformas de vendas online e a abertura de novos formas de comercialização e divulgação das peças de artesanato e biojoias produzidas pelo povo Krahô, foi a pauta de um encontro realizado entre o presidente da Agência do Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), Jairo Mariano, com representantes da Aldeia Manoel Alves Pequeno, localizada no município de Itacajá. 

A reunião, realizada na última sexta-feira, 16,  no gabinete da presidência, contou com a presença do vereador Renato Krahô, da liderança feminina Krahô e coordenadora da Casa de Artesanato da Aldeia Manoel Alves, Raquel Rõrkwyj Krahô, e do coordenador Técnico da Fundação Nacional do Índio (Funai) de Itacajá,  João Luiz Barros Carneiro. 

Ao apresentar as peças, os representantes do povo Krahô abordaram sobre a necessidade do fortalecimento do apoio aos artesãos da comunidade e a abertura de espaços de divulgação e venda dos artesanatos, como política de incentivo à cultura indígenas. “Precisamos fortalecer essa cultura e dar a visibilidade necessária para que as pessoas conheçam as nossas raízes, nossas histórias e tradições, por meio da nossa arte. Além de auxiliar no desenvolvimento e na geração de renda do nosso povo”, ressaltou Renato Krahô,. 

Explanando sobre as políticas de apoio aos artesãos de todo o Estado, o presidente da Adetuc, Jairo Mariano, destacou as ações de inclusão do artesanato tocantinense em plataformas como o Mercado Livre e também elencou as possibilidades de parcerias, intermediadas pelo o Governo do Estado, por meio da Adetuc, para ampliar o comercialização de peças de artesanato e biojoias. 

“Temos um acervo cultural que é riquíssimo e que deve ser apresentado ao mundo por meio do artesanato. A internet tem permitido essa conexão, tornando as plataformas de vendas uma vitrine de divulgação e comercialização desses produtos e que garante o aumento significativo da renda das famílias, principalmente nas comunidades indígenas”, destacou Jairo Mariano ao frisar a determinação do Governador Mauro Carlesse para que a Adetuc crie políticas de incentivo a comercialização do artesanato tocantinense. 

Você pode Gostar de:

Batalha medieval entre Mouros e Cristãos é relembrada no sudeste do Tocantins

Cavalhadas de Taguatinga ocorrem durante os Festejos de Nossa Senhora D’Abadia. A população de Taguatinga …

MEIA MARATONA Competição em Palmas recebe mais de 600 inscritos

As inscrições para a Meia Maratona de Palmas seguem a todo vapor. O evento realizado …

Em Palmas Aprovados do 16º FGT para participar de cursos classificatórios

Festival acontecede 07 a 11 de setembro no distrito de Taquaruçu e reunirá 41 concorrentes …

ECOTURISMO: APA da Baleia Franca: Unidade de Conservação mais visitada do Brasil

Localizada no litoral sul de Santa Catarina, região é considerada a “maternidade” da baleia franca …

BICENTENÁRIO: Cidades Históricas: uma viagem turística pela memória do Brasil

Em comemoração aos 200 anos da Independência, MTur inicia série para falar das cidades históricas …

INTERNACIONAL: Sorveterias brasileiras são premiadas em Festival Mundial do Gelato

Estabelecimentos do Pará e São Paulo entraram para o ranking das melhores gelaterias do mundo, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *